Mindfulness Meditar ajudanos a encontrar a paz que tanto desejamos

13 Jun

Mindfulness Meditar ajudanos a encontrar a paz que tanto desejamos

  Uncategorized via102

Meditação e estado mindfulness. Relaxar a mente e desviar os pensamentos e preocupações é fundamental para alcançar tranquilidade e paz interior.
O corpo se adapta às mudanças. Quando essas mudanças nos fazem mal se rompe o equilíbrio interno do corpo. Ou seja, o que devemos ter a entre o peito, os órgãos e a mente.

O corpo reage ao estresse, aumentando a secreção de certos hormônios e a inibição de outras. A produção de substâncias mensageiras, como a serotonina, a noradrenalina e a dopamina é afetada. Tudo isso altera o nosso equilíbrio interior, dando-nos esses momentos de ansiedade, falta de tranquilidade ou angústia. Mas podemos reverter esses efeitos e fazer com que nosso corpo volte a um estado de paz interior.
Quero estar tranquilo
Fadiga crônica, síndrome de burn-out e doenças relacionadas com o stress com distúrbio metabólico.
No livro eu Quero estar tranquilo, da jornalista e escritora britânica Harriet Griffey, que costuma falar e escrever sobre temas relacionados com a saúde, podemos encontrar uma série de dicas e orientações para conseguir encontrar a paz. Explica de uma forma muito agradável, com ilustrações que ajudam a compreender melhor a informação fornecida e citações de grandes nomes como Mark Twain, Aristóteles, Jo Marchant (autora de Heal Thyself)… Sem dúvida, é um grande livro com dicas sobre como controlar a respiração, que alimentos podemos escolher para nos sentirmos melhor, por que e como podemos meditar, para estar mais tranquilos… poderia ser considerado um dos melhores livros para chegar ao estado de mindfulness que tanta falta nos faz nos tempos que correm.
Neste estado, o que ainda não chegamos a nos sentir calmos, podemos ter sintomas como sensação freqüente de fadiga, palpitações, distúrbios do sono, dor muscular, úlceras de estômago, diarreia, dores de estômago, colite, disfunção tireoidiana, dificuldade para expressar também conceitos que conhecemos de sobras, sensação maçante contra qualquer situação, necessidade frequente de urinar, alterações da voz, hiperatividade, confusão mental, irritabilidade, diminuição da resposta imune… É o que se conhece como o stress. Quando o estresse se torna a condição normal é chamado de estresse crônico, que afeta tanto a nível cardíaca ou pulmonar e gastrointestinal. Também produz danos a nível endócrino, uro-genital e epidérmico.
Como podemos conseguir estar tranquilos
O que devemos fazer para não ficar estressados ou para sair disso? Pois, como bem nos conta Harriet Griffey, temos que relaxar a mente e para isso usamos várias técnicas como o controle da respiração, o uso da meditação ou escolher os alimentos que mais nos agradam (entre outras dicas).
Estados ansio-depressivos, irritabilidade, estresse, insônia…
Na verdade, são conceitos que estão unidos da mão. A meditação funciona, em parte, graças ao controle da respiração. E embora possa parecer mentira, os alimentos que comemos podem afectar os seus níveis de cortisol. O cortisol é a “hormônio do estresse”, que nos faz sair correndo contra qualquer ameaça. E esta também é possível regular com este tipo de técnicas.
O bom de todos estes métodos é que os podemos levar a cabo em qualquer lugar. Até mesmo em casa e sem ninguém ao nosso redor. O objetivo principal é conseguir chegar a um estado de paz e calma interior e depois manter este estado sem esforço. É algo que, a princípio, parece muito difícil e que custa. Não vamos nos enganar, mas é bom saber que é conseguida dia após dia, e depois nos já sai de forma natural. O corpo pedimos, porque é o que lhe terá ensinado que deve fazer. Então, temos que ter paciência e ser constantes, porque a meta que conseguimos nos dará muitos benefícios. Nos permitirá viver bem com nós mesmos e com o mundo que nos rodeia.
Pontos-chave para alcançar nosso objetivo
Antes de começar, teremos que buscar um espaço em que nos sintamos à vontade. Um local tranquilo, no que poder fugir de nossa mente. Sem ruídos externos e sem interrupções. Em seguida, precisamos seguir uma série de passos para chegar aos nossos objetivos de forma eficaz. Por exemplo, adotar uma postura correta.
É muito importante a postura para poder regular a respiração, que é o próximo passo que eu teria que seguir. A entrada e saída de ar no nosso corpo é a chave para alcançar um estado de relaxamento e tranquilidade. Desde o nariz até a parte inferior dos pulmões e vice-versa.
Descubra as chinelos de acupuntura Dr Gem contra o stress!
E outro ponto que não devemos esquecer é o controle de nossa própria mente. Aprender a conduzir a nossa mente a um momento de paz e felicidade, relaxamento e tranquilidade. E isso se pode fazer focando imagens, juntamente com o controle da respiração e postura adequada.
De tudo isso fala Harriet Griffey em seu livro Quero estar tranquilo. Ensinando passo a passo da forma correta de fazê-lo. Ajudando-nos a alcançar o nosso objetivo de forma mais fácil e eficaz.